um ponto à superfície
.posts recentes

. (Que silêncio; está-se tã...

. Fuma

. O demo, ainda à solta e a...

. O demo anda outra vez à s...

. Os cravos

. Dizem-me todos o mesmo

. Os que ficam com o que ab...

. Agora, não

. Numa mão a espada, na out...

. The Thought Project

.arquivos

. Janeiro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

Sexta-feira, 1 de Julho de 2005
Andante, andante
Um dos mistérios com que me confronto algumas vezes por ano é o Andante - aquele título de transporte do Metro do Porto. Há quem ache que é possível, lendo as cem linhas de instruções no placard (enquanto, entretanto, os comboios vão passando) perceber como aquilo funciona. Eu não faço parte dessa seita. Eu rezo sempre para que haja alguém a quem pedir ajuda na estação. Sei que não sou a única. E hoje, enquanto tentava descobrir uma informação no site do Metro do Porto, vi que existe mesmo um site sobre o Andante, onde está tudo explicado.
publicado por AG às 14:41
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De Anónimo a 18 de Julho de 2005 às 14:56
O 'Andante' faz jus ao nome!
Farto-me de andar para chegar onde quero!
:)vmbm
</a>
(mailto:vascobizarro@yahoo.com)
De Anónimo a 1 de Julho de 2005 às 16:46
É com certeza por causa do sotaque.galinhola
</a>
(mailto:)
De Anónimo a 1 de Julho de 2005 às 16:41
Mais uma prova de que a malta de Lisboa não nos compreende.Rui Amaral
(http://quartzo-feldspato-mica.blogspot.com/)
(mailto:)

Comentar post

.pesquisar
 
.Janeiro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

. Ser catita

blogs SAPO
.subscrever feeds