um ponto à superfície
.posts recentes

. (Que silêncio; está-se tã...

. Fuma

. O demo, ainda à solta e a...

. O demo anda outra vez à s...

. Os cravos

. Dizem-me todos o mesmo

. Os que ficam com o que ab...

. Agora, não

. Numa mão a espada, na out...

. The Thought Project

.arquivos

. Janeiro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

Sexta-feira, 30 de Setembro de 2005
À atenção dos cidadãos do Porto: José Pedro Serra em Serralves
A comunidade de leitores de Serralves, que começa a 11 de Outubro e tem como tema 'A tragédia grega e o sentido do trágico', vai ser orientada por Maria João Seixas e José Pedro Serra. Deixando a Maria João de lado um bocadinho, queria alertar os potenciais interessados (ou desinteressados) para o facto de que José Pedro Serra, de quem quase não se ouve falar, é um orador extraordinário. Dos meus professores da faculdade, foi O Professor. Não quero fixar-me no folclore, mas não posso esquecer o senhor de fato e gravata que na primeira aula fez uma imitação das danças das bacantes para nós vermos como eram. Isto tudo da forma mais séria e compenetrada possível, sem qualquer tentativa de cativar o público pelo circo. Não me recordo de uma aula banal (eu que tantas vezes adormecia nas outras aulas). Foi o professor mais profundo e entusiástico que tive, mais perturbador da apatia generalizada da mente dos alunos, e com o seu quê de gozo implícito nas perguntas que noz fazia e nos comentários às nossas respostas. Tudo na medida adequada a um cavalheiro.

Nunca mais tive oportunidade de ouvi-lo. Sei que há dois anos deu uma conferência sobre os clássicos na Gulbenkian, e li uma nota sobre o entusiasmo da plateia. Deduzo que continue na boa forma de sempre. Eu não posso ir, e está mal. Até porque estou há 13 anos sem saber de quem era o poema sobre Ítaca que ele recitou um dia na aula (não era do Manuel Alegre, não era o do Al Berto, já me fartei de procurar – se alguém tiver a bondade de perguntar-lhe, terá a minha eterna gratidão).
publicado por galinhola às 11:24
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|
Quarta-feira, 28 de Setembro de 2005
Programa de festa da candidatura do PSD de S. Martinho do Campo
Não estou a gozar. Está tudo aqui. Foi no Domingo, e eu não sabia...

APRESENTAÇÃO DA LISTA
APRESENTAÇÃO DOS CANDIDATOS
À JUNTA DE FREGUESIA




DOMINGO, 25 DE SETEMBRO
PELAS 15 HORAS
(junto ao pavilhão da E.B.I.)

GRANDE ESPECTÁCULO DE ANIMAÇÃO
Trapezistas-Malabaristas-Equilibristas
Cavalos-Póneis-Macacos-Cabras-Porcos
"HOMEM ARANHA" E PALHAÇOS

VENHA À FESTA E TRAGA A SUA BANDEIRA E OU CACHECOL
DO SEU CLUBE PREFERIDO!!!
São Martinho-Benfica-porto-Sporting-Vitória-Tirsense
Braga-Boavista-ou, a Bandeira Nacional...

Vamos sortear um blusão de couro,
um cabaz, uma bicicleta, uma bola e
uma garrafa de whisky

ENTRADA GRÁTIS
DIVIRTA-SE
(1.000 LUGARES SENTADOS)
publicado por galinhola às 17:21
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|
Terça-feira, 27 de Setembro de 2005
Em campanha
Aqui a junta vai escrever um poema:

publicado por galinhola às 18:25
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
É tudo?
Sim. Mas não é nada disto.
publicado por galinhola às 14:41
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 22 de Setembro de 2005
Folhear a Alice
O site da British Library tem disponível um conjunto de livros antigos para folhear online. Entre eles, a Alice de Lewis Carroll, manuscrito e ilustrado (o Alice’s Adventures in Underground, que parece ser a versão original). E é tão bonito. Para além de irmos virando as páginas, podemos ainda ouvir a história. Quase de certeza que não posso usar a imagem ao lado, mas pronto. É por uma boa causa.
publicado por galinhola às 14:37
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Fátima Felgueiras: uma nova mulher?
Quem ontem viu as imagens de Fátima Felgueiras no seu regresso a Portugal não pode ter deixado de reparar como a Fátima está mais bonita. Deixou aquele penteado modelo copa de pinheiro-manso (será aquilo, afinal, a ‘mise’?); vem bronzeada, sorridente, descontraída, modernaça. As senhoras que seguravam aqueles cartazes com a fotografia pré-fuga e a legenda ‘Não chores por mim ó Felgueiras / a verdade é que nunca te deixei’ vão ter de actualizar-se. O Brasil fez-lhe bem. Eu cá teria ficado por lá.




Fátima antes do Brasil



Fátima depois do Brasil


publicado por galinhola às 10:41
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 20 de Setembro de 2005
Como diriam em Almeirim: gosto tanto das autárticas

(mais aqui)
publicado por galinhola às 16:55
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 15 de Setembro de 2005
Uma Apologia dos Ociosos, de Robert L. Stevenson
De Robert L. Stevenson tinha lido apenas uma versão abreviada e ilustrada de A Ilha do Tesouro e Dr. Jekyll and Mr. Hyde. Há dias encontrei este Uma Apologia dos Ociosos, editada pela &etc. (belíssima capa, além do mais - mas não encontrei imagem). São dois textos, publicados na altura em jornais, deliciosos e cheios de subtileza - um sobre o valor do ócio, outro sobre o prazer da conversa. A biografia do autor, na introdução, aguçou-me a curiosidade ainda mais: não fazia ideia do que fora a vida deste homem, que embarcou para os EUA atrás da mulher que amava, casada, e acabou a sua vida nas ilhas dos mares do Sul, tendo escrito sobre a história e vida locais. Tenho um fraquinho pela relação especial dos séculos XVIII e XIX com os mares do Sul.

Aqui ficam uns pequenos excertos, para abrir o apetite. E, já agora, a citação que Stevenson coloca como epígrafe a Uma Apologia dos Ociosos (de Boswell, Life of Johnson):
Boswell: "A ociosidade gera o tédio."
Johson: "Assim é, Senhor, porque, estando os outros ocupados, falta-nos companhia; pelo contrário, se estivéssemos ociosos, não sentiríamos tédio, entretinhamo-nos uns com os outros."


De Uma Apologia dos Ociosos:

"Actividade intensa, quer na escola quer na universidade, em todas as ocasiões, é sintoma de uma vitalidade deficiente, enquanto que a capacidade de ócio implica um grande apetite e uma consciência aguda da identidade própria. Há por aí uma espécie de gente morta-viva, vulgar, que pouca consciência tem do viver excepto quando exerce alguma actividade convencional. Levem esses sujeitos para o campo, ou metam-nos num barco, e vereis como anseiam pela secretária ou pelo gabinete. Não manifestam curiosidade; não se deixam impressionar por aquilo que o acaso lhes coloca no caminho; não têm prazer em exercer gratuitamente as suas faculdades; e, a menos que a Necessidade os empurre à paulada, não mexem um dedo. Não serve de nada falar a indivíduos desta espécia; são incapazes de manter-se ociosos; a sua natureza não é suficientemente generosa; e passam em estado comatoso as horas que não dedicam à tarefa furiosa de enriquecer."

De Conversa e Conversadores (descrevendo um tipo de conversador):

"Não sei o que é mais notável: se a lucidez insensata das suas conclusões, a eloquência cheia de humor da sua verve ou a força do seu método, o qual consiste em fazer passar a existência no seu conjunto sob a lupa do assunto abordado e em misturar, como um deus ébrio, a salada da conversa. Ondula como uma serpente, dardeja mil centelhas irisadas como um caleidoscópio ao ser agitado, transmigra fisicamente para as opiniões dos outros e assim, num piscar de olhos e num arrebateamento inebriante, devolve as questões e atira-as aos nossos pés esvaziadas de substância como um mágico triunfante."
publicado por galinhola às 23:51
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Google Blog Search
O Google lançou ontem o serviço de pesquisa em blogs.
publicado por galinhola às 16:26
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 14 de Setembro de 2005
Informação sempre útil
A Wikipedia tem uma página sobre os papas sexualmente activos.
publicado por galinhola às 17:34
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
.pesquisar
 
.Janeiro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

. Ser catita

blogs SAPO
.subscrever feeds