um ponto à superfície
.posts recentes

. (Que silêncio; está-se tã...

. Fuma

. O demo, ainda à solta e a...

. O demo anda outra vez à s...

. Os cravos

. Dizem-me todos o mesmo

. Os que ficam com o que ab...

. Agora, não

. Numa mão a espada, na out...

. The Thought Project

.arquivos

. Janeiro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

Sábado, 17 de Janeiro de 2004
Repitam comigo
Era aqui que eu queria chegar. Quase que não gosta de música?
- É, quase não gosto. Eu acho que há música demais no mundo. Aliás, John Cage disse isso: se tem duas pessoas no mundo fazendo a mesma música, isso é demasiado. Não é necessário. Então, essa ideia de que precisa ter música de fundo, música no elevador...
Música no centro comercial, música na loja, música no aeroporto...
- Música que ninguém ouve, música inútil, que só polui. O que é que significa isso? Que as pessoas têm medo do silêncio, que o silêncio de alguma forma ameaça.
No seu dia-a-dia tem muito silêncio?
- Tem muito silêncio, muito mesmo. É uma coisa que eu procuro. Agora vejo também que os meus colegas dizem que, uma vez que são profissionais da música, trabalham com música, ouvem música menos e menos. Por isso mesmo, pela saturação. Eu acho que há um excesso de oferta de música. De música gratuita, dessa música de fundo. Música de fundo está no fundo. Não precisa.

Adriana Calcanhotto em entrevista ao DNA, 04/08/2001. É antigo, mas ficou guardado.
publicado por galinhola às 01:20
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Anónimo a 21 de Janeiro de 2004 às 01:09
A rapariga está prenhe de razão! É exactamente o que eu penso. Talvez por isso quase não tenho ouvido música em casa...

PS - A peça 4'33" de John Cage passou na BBC. Incrível!7
</a>
(mailto:neves@uncovering.org)
De Anónimo a 18 de Janeiro de 2004 às 00:39
eu não tenho medo do silêncio e gosto de música. tudo depende das circunstãncias e do estado de espírito.cândida
</a>
(mailto:mcasa86@hotmail.com)

Comentar post

.pesquisar
 
.Janeiro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

. Ser catita

blogs SAPO
.subscrever feeds