um ponto à superfície
.posts recentes

. (Que silêncio; está-se tã...

. Fuma

. O demo, ainda à solta e a...

. O demo anda outra vez à s...

. Os cravos

. Dizem-me todos o mesmo

. Os que ficam com o que ab...

. Agora, não

. Numa mão a espada, na out...

. The Thought Project

.arquivos

. Janeiro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

Quinta-feira, 22 de Janeiro de 2004
Da solidão, sem pudor
Por algum motivo, parece ser mais embaraçoso falar da solidão e admiti-la do que andar pela rua e apercebermo-nos de que estamos nus, como em certos pesadelos. Aliás, vendo bem, não são coisas muito diferentes.
Morrisey falou da solidão, e ainda das pequenas crueldades com as quais tentamos exorcizá-la. Um dia destes trago Theodore Sturgeon e Ursula K. Le Guinn, que também sabiam umas coisas do assunto.

That joke isn't funny anymore

Park the car at the side of the road
You should know
Time's tide will smother you
And I will too
When you laugh about people who feel so
Very lonely
Their only desire is to die
Well, I'm afraid
It doesn't make me smile
I wish I could laugh

But that joke isn't funny anymore
It's too close to home
And it's too near the bone
It's too close to home
And it's too near the bone
More than you'll ever know ...

Kick them when they fall down
Kick them when they fall down
You kick them when they fall down
Kick them when they fall down
You kick them when they fall down
Kick them when they fall down
You kick them when they fall down
Kick them when they fall down

It was dark as I drove the point home
And on cold leather seats
Well, it suddenly struck me
I just might die with a smile on my
Face after all

I've seen this happen in other people's lives
And now it's happening in mine

I've seen this happen in other people's lives
And now it's happening in mine
publicado por galinhola às 18:25
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Anónimo a 23 de Janeiro de 2004 às 10:43
And people who are uglier than you and I, they get what they want from lifegalinhola
</a>
(mailto:)
De Anónimo a 23 de Janeiro de 2004 às 10:33
a rush and a push and the land
that we stand on is ours
it has been before
so why can't it be nowalexandre andrade
</a>
(mailto:)

Comentar post

.pesquisar
 
.Janeiro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

. Ser catita

blogs SAPO
.subscrever feeds